skip to main content

Aplicação da curva CUSUM para avaliar o treinamento da intubação orotraqueal com o laringoscópio Truview EVO2

Correa, Jaqueline Betina Broenstrup ; Dellazzana, José Ernani Flores ; Sturm, Alexandre ; Leite, Dante Moore Almeida ; Oliveira Filho, Getúlio Rodrigues de ; Xavier, Rogério Gastal

Revista brasileira de anestesiologia, 2009-06-01, Vol.59 (3), p.321-331 [Peer Reviewed Journal]

Full text available

Citations Cited by
  • Title:
    Aplicação da curva CUSUM para avaliar o treinamento da intubação orotraqueal com o laringoscópio Truview EVO2
  • Author: Correa, Jaqueline Betina Broenstrup ; Dellazzana, José Ernani Flores ; Sturm, Alexandre ; Leite, Dante Moore Almeida ; Oliveira Filho, Getúlio Rodrigues de ; Xavier, Rogério Gastal
  • Subjects: ANESTHESIOLOGY
  • Is Part Of: Revista brasileira de anestesiologia, 2009-06-01, Vol.59 (3), p.321-331
  • Description: JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As curvas de aprendizado têm se mostrado ferramentas úteis no monitoramento do desempenho de um trabalhador submetido a uma nova tarefa. Essas curvas vêm sendo utilizadas na avaliação de vários procedimentos na prática médica. O objetivo desta pesquisa foi avaliar o aprendizado da intubação orotraqueal (IOT) com o laringoscópio Truview EVO2® através da curva de aprendizado CUSUM. MÉTODO: Quatro aprendizes realizaram o treinamento da IOT com o laringoscópio Truview EVO2® em manequim. Eles foram orientados quanto aos critérios de sucesso e falha na IOT e alternaram-se nas tentativas, num total de 300 IOT para cada um deles. Quatro curvas de aprendizado foram construídas a partir do método da soma cumulativa CUSUM. RESULTADOS: O número calculado para adquirir proficiência na tarefa foi de 105 IOT. Os quatro aprendizes cruzaram a linha de taxa de falha aceitável de 5% antes de completar 105 IOT: o primeiro aprendiz alcançou a faixa de proficiência após 42 IOT, o segundo e o terceiro aprendizes, após 56 IOT, e o quarto aprendiz, após 97 IOT, mantendo-se constantes em seus desempenhos a partir de então. Não houve diferença na taxa de sucesso entre residentes e anestesiologistas experientes. CONCLUSÕES: A curva de aprendizado CUSUM é um instrumento útil para demonstração objetiva de habilidade na execução de uma nova tarefa. A laringoscopia com o Truview EVO2® em manequim demonstrou ser um procedimento fácil para médicos com experiência prévia em IOT, porém, a transposição dos resultados para a prática clínica deve ser cautelosa.
  • Publisher: Sociedade Brasileira de Anestesiologia
  • Language: Portuguese
  • Identifier: ISSN: 1806-907X
    EISSN: 1806-907X
    DOI: 10.1590/S0034-70942009000300007
  • Source: SciELO

Searching Remote Databases, Please Wait